Enter your keyword

Arroz – Amigo ou vilão? Benefícios e dicas para a dieta

Arroz – Amigo ou vilão? Benefícios e dicas para a dieta

Arroz – Amigo ou vilão? Benefícios e dicas para a dieta

O arroz, típica comida brasileira, vem dividindo muitas opiniões a seu respeito. Apesar de ser um carboidrato, o alimento, em seus variados tipos, contribui para uma alimentação saudável e oferece alguns benefícios para a nossa saúde.

O arroz é fonte de carboidratos e fornece energia para o organismo, uma vez que equilibra as proteínas, gorduras e carboidratos. Nele encontramos também vitaminas B1 e B2, sais minerais, ferro e zinco. O arroz não contém glúten, um grande benefício para quem é alérgico. Ao consumir quantidades corretas do alimento todos os dias podemos ter uma melhora no equilíbrio da pressão arterial e nos níveis de colesterol.

Os valores calóricos dos vários tipos de arroz são bem parecidos (entre 100 a 130 calorias por uma porção de 100 g de arroz cozido), mas os benefícios podem mudar de acordo com a variedade do cereal.

Arroz branco: O arroz branco (ou polido) é o mais comum na alimentação brasileira e é rico em carboidrato, principalmente amido. É fonte de energia, principalmente para quem pratica exercício físico, pois é capaz de dar volume aos músculos (glicogênio), participando ativamente na recuperação do corpo após a prática da atividade. É o tipo de arroz menos nutritivo, pois seus minerais e vitaminas ficam em sua casca, que é retirada durante o polimento.

Arroz parboilizado: Um pouco mais nutritivo que o branco, o parboilizado possui vitaminas do complexo B. Esse tipo é obtido através de um processo industrial de fervura do grão, durante o qual alguns nutrientes do farelo do gérmen do arroz penetram em seu grão, enriquecendo a sua composição.  

Arroz integral: Esse tipo de arroz não passa pelo processo de polimento ou refinamento, o que mantém sua camada externa, fazendo com que seus nutrientes não sejam eliminados. De aparência mais escura que o arroz branco e o parboilizado, o integral possui mais manganês, selênio e vitaminas do complexo B, além de ser rico em fibras, melhorando o funcionamento do intestino e prolongando a sensação de saciedade. O consumo desse tipo de arroz está relacionado com a diminuição do aparecimento de doenças como câncer, diabetes, obesidade e doenças cardiovasculares. O arroz integral possui também a capacidade de retenção de água, auxiliando na prevenção da constipação.

Arroz negro: De origem chinesa, o arroz negro possui um sabor mais rústico e tem um ponto al dente, não ficando totalmente cozido como o arroz branco. O cereal é rico em ferro e antioxidantes, que combatem os radicais livres, evitando o aparecimento de rugas na pele do rosto. O alimento possui também uma quantidade menor de gordura e calorias do que o arroz branco, e cerca de 30% a mais de fibras. É muito aconselhado para quem faz dieta e procura por um estilo de vida mais saudável.

Arroz arbóreo: Ideal para a preparação de risotos e sobremesas, o arroz arbóreo possui muito amido e acaba ficando cremoso ao ser cozido. Não possui muitas calorias.

Arroz selvagem: Bem diferente dos demais tipos, o arroz selvagem possui grãos escuros e em formato de agulha. Após cozido, ele fica duro por fora e macio por dentro. É uma opção com bastante fibras e menos calorias que os demais, além de ter um teor elevado de proteínas e menos lipídios. Seu baixo teor de compostos fenólicos reduz sua ação antioxidante. É um bom aliado para dietas restritivas.

Arroz vermelho: Seu preparo assemelha-se ao do arroz branco, porém o arroz vermelho possui uma quantidade maior de ferro, zinco e fibras. Esse tipo contém a monocolina, uma substância que ajuda a reduzir o colesterol, auxilia na circulação do sangue, no funcionamento do intestino e na digestão. Contém também a antocianina, capaz de desempenhar ação antioxidante, evitando o envelhecimento precoce das células do organismo.

Arroz 7 cereais: O arroz 7 cereais, ou 7 grãos, é comercializado em embalagens contendo um mix de grãos de arroz e de cereais, geralmente aveia, trigo, granola, quinoa, linhaça, centeio e trictale. Essa mistura de cereais tem uma grande quantidade de nutrientes e fibras, e apresenta um baixo índice glicêmico, o que beneficia a saciedade e o controle da glicemia. Para quem deseja reduzir o peso, é uma ótima opção.

Agora que já te apresentamos todos os tipos de arroz e seus benefícios, procure um profissional da saúde para vocês montarem juntos a dieta mais adequada e eficiente para o seu organismo.

Sem comentários

Deixe uma resposta

Quer receber dicas de saúde e beleza?
Nossa news é dedicada para você que quer receber dicas de como conciliar saúde e bem estar :)
Por favor, cadastre seu email dados
Obrigado pelo cadastro
Agora você receberá nossa news!
Fechar
%d blogueiros gostam disto: